sábado, 30 de novembro de 2013

O Iwaju é a sede do Ìponrí


Iwaju é a elisão de: Iwà Ojú.

Que significa:

A pessoa enfrentar o seu Eu.

É a maneira Yorùbá de dizer:

Eu vejo quem eu sou ou Eu vejo a essência da minha natureza.

O iwaju está localizado no centro da testa e no meio do cérebro..

Os biologistas chamam este lugar de:

Sede da glândula pineal.

A glândula pineal é a fonte da consciência. A glândula pineal gera os padrões geométricos que criam a consciência. Estes padrões criam a realidade física dos átomos às estrelas. Ifá chama esses padrões de Odù.

Os antigos egípcios chamavam iwaju de:

O olho místico.

O símbolo egípcio para o olho místico é uma expressão codificada dos padrões mantidos pela glândula pineal.

O ponto inicial é desbloquear o Iwaju como o primeiro passo para a ligação com o Ìponrí. O componente ritual para desbloquear o iwaju é a invocação de estados alterados, ou seja, possessão por òrìsà.

Esta invocação é uma consequência do Ofò àse que significa:

Palavras de poder utilizados para estimular o Iwaju.

Ìponrí é a elisão de:

Ìpo n Orí.

E é uma referência à ligação entre estado de consciência e os dedos do pé.

O dedão do pé conecta a consciência aos nossos antepassados. Poderíamos dizer que o dedão nos conecta com o passado. O Iwaju nos liga a quem poderíamos nos tornar. Poderíamos dizer que o Iwaju nos conecta com o futuro.

A conexão entre Iwaju e Ìponrí é o ponto da disciplina espiritual.

Há um pequeno grupo de pessoas na terra que não querem que você mescle o Iwaju com o Ìponrí. Esses bancos de controle de pessoas e recursos os levam à necessidade de controlar os outros (Òbàrà méjì).

Ifá ensina que a necessidade de controlar os outros leva ao Orí Buruku que é uma elisão de: Orí bu ru iku.

Que significa:

A consciência que traz a morte. Esta é a palavra yorùbá para o mal.

No Ocidente estamos tão afastados de qualquer compreensão sobre o que é Ifá, que nós não sabemos que estamos sendo manipulados.

Em nome do Profeta Òrúnmìlá que nos deu a chave para desbloquear o Iwaju, eu estou pedindo às pessoas que se utilizam de Ifá como uma disciplina espiritual para que considerem o que precisa ser feito para resistir à influência do mal em nossa prática espiritual.

 

Ire Baba.

 

Iwaju também conhecido como o terceiro olho, é a visão que se abre em outra dimensão, a dimensão onde nos conectamos ao espirito do òrìsà.

A abertura dos olhos provoca um desprendimento desta conexão, uma desconcentração que leva o iniciado a perder o foco e o contato com a energia.

Este é o maior motivo para que o iniciado não abra os olhos durante o transe, pois a terceira visão nos dá a visão do recinto em que estamos. A terceira visão nos permite ter esta ‘consciência’.

 

Àse.

 

Por Áwo Fatunmbi.

Um comentário:

O Culto Tradicional Yorùbá, vem resgatar nossa cultura milenar, guardada na cabaça do tempo.