quinta-feira, 18 de abril de 2013

Oríkì Òya e Òsún

 
Òya
 
 
Oríkì Òya

 
Òya
A Floresta escura, a mais profunda obscuridade.
Que agarra e engole você na floresta
Vento da Morte
Quebrou  cabaça, quebrou o arbusto.
Mulher de Sòngó
Quebrou os dedos
E os intestinos do mentiroso
Grande Òya,
Só ela aproveita os chifres do búfalo
Só ela confronta o morto em seu retorno
Rapidamente ela arruma suas coisas, rapidamente.
Òya mensageira, me carregue nas costas
Não me deixe no chão.
Ela queima como o fogo na lareira.
Em todos os lugares ao mesmo tempo.
Tornado, ela faz tremer a copa das árvores
Grande Òya,
Furacão, desperta Égúngún
Corajosamente pega seu sabre
O Ìyá, Ìyá o.
Mãe Òya
Não é de hoje que lhe dão honras
Mas há muito tempo
O Ìyá, Ìyá o.
Mãe Òya
Ela é a única que emprega verdade contra a mentira.
Ela vive na fronteira
Entre a Vida e a Morte
O Ìyá, Ìyá o.
Se for tambor Bembe, ela dança, ó ela vai dançar.
Quem dança Tambores Bata?
Òya dança!
Quem dança Sekere,
Òya dança!
Esposa de Sàngó, é a única que dança, seja o que for.
Ela vem utilizando disfarce Egúngún por um longo tempo.
Òya tem muita honra.
Ela se virou e tornou-se òrìsà.
Òya guarda a estrada para o mundo e fora dele.
Òya, respeitável e incrível!
 
 
 

Osun
 
 
Orikì Òsún

 
Mbe, Mbe ma Yèyé.
Mbe, Mbe L’Òro.
Òsún àwúráolu...
Serge si Elewé rojú oniki......
Làtojúku awede we mo...
Eni Idè ki su omi a san rere...
Alose k’ojú Èwùjì o san rere...
Alodè k’ojú emu jí o san rere...
O malé Òdàlè o san rere...
Àse.
 
Existe, sempre existirá a mãe...
Existe, sempre existirá em nossa tradição.
O espírito do rio, o tocador do casco da tartaruga.
Abra o caminho da atração, mãe das saudações. Espírito da limpeza, que limpa do interior para fora.
A fabricante de bronze não polui a água.
Temos o direito de usar a coroa que nos desperta todo o prazer.
Temos o direito de usar a coroa que desperta todo o prazer.
O espírito da terra que vagueia livremente.
Àse.
 
 



Trabalhos cedidos pela artista plástica.
Aislane Nobre - Salvador - Bahia
https://www.facebook.com/aislane.nobre?fref=ts

 
 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Culto Tradicional Yorùbá, vem resgatar nossa cultura milenar, guardada na cabaça do tempo.