terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

ITANS DE OBARÁ - MEJI

COMO OBARA MEJI PERSEVEROU EM SUA PROSPERIDADE.

Tendo obtido todos os desejos para mais um dia, Obara-Meji recebeu um visitante chamado Efun yemi aborí bebele, que o avisou a fazer sacrifício, afim de que sua prosperidade recém chegada durasse até o final de sua vida.
Ele foi avisado a fazer o sacrifício com uma vaca, tendo as cores preta, marrom e branca e uma cabra da mesma cor, para seu Ifá. Ele também deveria oferecer um bode a Èşu com as mesmas cores. Ele fez os sacrifícios.
Este é o porquê Obara Meji, viveu tanto tempo em opulência e como viu todos os seus filhos se tornarem velhos. O cabelo grisalho em sua cabeça e seu corpo veio a ser tão branco como algodão, a sua riqueza se sustentou até o final de sua vida. Este é o último maior sacrifício especial (OnoIfa ou Odiha) para o qual toda pessoa nascida por Obara Meji, deve fazer, a fim de ter longa vida na prosperidade.

O ÚLTIMO GRANDE MILAGRE EXECUTADO POR OBARA MEJI.

Houve 3 pântanos do céu, os quais amedrontavam todas as principais cidades Yorúba. Eles eram
chamados :
1 - Obuko omo lubebe - o bode.
2 - Ejo omoni rongo - a cobra.
3 - Ekuku ale, Omonimene - o pombo.
Ota loon ba aye ati orun jaa - Eles estavam vindo para devastar a terra pelo rei das feiticeiras do céu. Ocasionaram a morte de muitos homens e mulheres em vários lugares e havia pandemônio em todo redor. Os três saqueadores celestes apanhavam suas vítimas em circunstâncias misteriosas e quase sempre parecendo estar colhendo nas personalidades importantes para serem cidadãos úteis das cidades. Eventualmente, eles pareciam ter sido dados o principal desígnio de trazer Obara-Meji de volta ao céu.
Quando por fim eles partiram no rastro de Obara-Meji, seu próprio guardião apareceu-lhe em sonho e alertou-o do perigo iminente da morte.
Ele não se preocupou injustamente sobre a morte, no entanto estava ainda desfrutando de sua prosperidade ganha com muito esforço. Então decidiram consultar seu Ifá, por meio da divinação com Ikin, seus subalternos domésticos chamados Uroke e Oroke lhe disseram rapidamente para fazer sacrifício com um galo, um coelho e inhame amassado (Obobo em bini e erwo em yorúba), o qual ele iria carregar por si mesmo a uma encruzilhada. Ele também deu um bode a Èşu. Ele fez os sacrifícios profundamente.
Quando ele carregava as oferendas sacrificais para a encruzilhada, Èşu levantou-se e disse aos 3 mensageiros do céu que Obara- meji que eles estavam buscando, estava na encruzilhada. Os três homens rapidamente se direcionaram para encontrá-lo, enquanto Obara Meji estava oferecendo preces depois de colocar o sacrifício na posição. Èşu também o alertou da aproximação dos assassinos do céu. Com o que Obara Meji se pôs em pé e correu em segurança para sua cassa. Obuko, omo olubebe tinha proibição de galo, ejo omoni rogonti tinha proibição de inhame amassado (obobo), enquanto omoni mene tinha proibição de coelho. Aqueles foram os materiais com que Obara Meji fez sacrifício na encruzilhada. Quando os três homens maus chegaram à encruzilhada, Èşu apareceu de novo para eles, dizendo-lhes que a refeição do chão era o banquete que Obara Meji estava enviando para as 200 divindades. (Ihanuri em bini e ugba urumole em Yoruba).
Èşu convenceu-os a comê-la porque Obara abandonou a comida quando os viu se aproximando.
Após comerem, eles continuaram determinados a perseguir Obara Meji até sua casa para capturá-lo.
Nesse ínterim no caminho, as porções de comida proibida tinham começado a reagir neles. Em sua aproximação para a casa de Obara Meji, eles começaram a caírem mortos uns após o outro. Tudo isso acontecendo de noite. Na manhã seguinte Obara Meji saiu apenas para descobrir que os 3 homens maus estavam mortos. Ele então enviou mensagem aos 16 monarcas das cidades que tinham estado sob muito medo pelos terroristas celestes. Tão logo eles se reuniram no palácio de Olofen, Obara informou como ele conseguiu a morte dos homens maus e todos eles se alegraram e agradeceram a Ọrúnm. lá em profusão por protegê-los da ameaça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Culto Tradicional Yorùbá, vem resgatar nossa cultura milenar, guardada na cabaça do tempo.